Profissional

Ocupado, produzindo ou enrolando?

“Este texto é 90% auto-crítico, pois somente olhar para si é eficaz para transformar seres humanos comuns em seres humanos fora da linha da mediocridade”.

“Num corredor quase vazio da faculdade ouve-se um diálogo entre dois jovens ao fundo quando em um determinado momento um deles diz: ‘Não consegui terminar os trabalhos, estive muito ocupado’. ”

“O trabalho precisava ser feito, o conteúdo precisava ser entregue até o dia seguinte, mas Matheus disse com ar de desespero ao editor-chefe: ‘Essas notas fiscais estão me matando, meu tempo foi todo consumido por elas! Virarei a noite mas entregarei o conteúdo’. ”

“Mariana passou a tarde no WhatsApp, fez cabelo, unha e sobrancelha, mas já eram 15:49 quando ela lembrou que era o último dia para pagar o boleto da faculdade. Ela se desespera mas não terá mais jeito, terá que pagar amanhã com 10% de multa.”

O que todas essas passagens e pessoas têm em comum? Elas tiveram boa parte do seu tempo ocupado, uma ou outra gastou seu tempo enrolando (nas redes sociais, como já escrevi aqui), e pouco, pouquíssimo tempo produzindo algo de verdade.

Só que antes de continuar meu raciocínio, preciso definir o que cada um destes atos significa.

O que é estar ocupado?

Estar ocupado é como pegar uma agenda e preencher todos os horários dela (talvez até o almoço) e quase chegar ao ponto de não ter tempo pra mais nada na vida além dessa rotina pré determinada. Não existe nada mal em ter uma agenda lotada, desde que ela respeite o princípio de produzir, como vou abordar no tópico abaixo sobre definições.

Estar ocupado refere-se a fazer as coisas porque tem que ser feitas. Isso se aplica a maioria dos trabalhos de escritório como lançamento de notas-fiscais, conferência de estoque 2x por semana dentre outros. Mas também refere-se ao curso de imersão de um fim de semana do qual você bloqueou toda a sua agenda para adquirir conhecimento para aplicar na sua vida.

O que é produzir?

No dicionário, “produzir” significa “dar origem, ser fértil, gerar, dar, fornecer”. Ou seja, quando você faz algo e este algo gera um efeito positivo em alguém ou em alguma coisa. Este texto, até certo ponto é uma peça produtiva, pois precisei organizar minhas ideias e colocá-las aqui pra que você que lê pudesse entender como você age,serviu também para eu entender como eu mesmo ajo! Entendendo como agimos e reagimos é um dos primeiros passos para mudar comportamentos indesejáveis.

Como disse acima, você pode estar ocupado e não estar produzindo como pode estar ocupado e produzindo. Quando você está ocupado e produzindo você roda aquilo que conheço como o “ciclo do extraordinário”, ou “ciclo do sucesso”, que é quando suas ações estão alinhadas e produzem resultados que geram novas ações e aumentam estes resultados, tudo isso claro, alinhado a crença correta e seu potencial sendo utilizado adequadamente.

ciclo sucesso

Você está enrolando? Saiba logo abaixo:

O ato de enrolar é todo aquele que tira de você a responsabilidade ou adia qualquer ato de estar ocupado ou estar produzindo. Mensagens WhatsApp, Facebook, Twitter, Instagram são totalmente úteis quando queremos compartilhar sobre nossa vida, nossos anseios, nossas conquistas. Eu amo as redes sociais e sou um grande entusiasta de todas elas. O problema é quando elas se tornam uma fonte inesgotável de enrolação e procrastinação.

Você tinha que chegar às 8 no trabalho e chegou às 8:15, porque ficou uns minutinhos a mais respondendo o pessoal da madrugada no chat. Você perdeu o horário da consulta médica porque estava rolando um Periscope maneiraço e não poderia perder por nada desse mundo.

Ok, você pode até ter um pouco de razão independente do que estava fazendo mas quanto disso tudo que você faz afeta aos outros? Se afetar muito, você está num caminho bem errado e precisa consertar seu trajeto.

E você precisa consertar a partir de agora porque a partir do momento em que você começa a afetar muitas pessoas e a si mesmo você cria uma bola de neve da qual contê-la exigirá um esforço sobrehumano!

Traduzindo em uma equação
ENROLANDO = OCUPADO – PRODUZINDO

O Candy Crush é hoje um dos maiores redutores de produtividade dentre 4 de 10 internautas, sabia?

Não apenas ele mas muitas outras atividades consideradas “anti-stress”. São pequenos vícios que nosso cérebro encontra como forma de ou fugir da realidade ou de buscar um prazer que suas atividades cotidianas não te trazem.

Por isso focarei neste último ponto.

No que você busca prazer? (Uma questão de mindset)

Algumas pessoas sentem prazer em dormir, em comer, ou em simplesmente fazer nada. Outras gostam de ler e absorver o máximo de conhecimento possível em pouco tempo. Independente da forma que você busca um prazer você deve se perguntar antes: PRA QUE DIABOS EU ESTOU FAZENDO ISSO?

Pode ser uma pergunta ofensiva (e tem a intenção de ser) porque provoca você a encontrar um sentido real em fazer o que faz. Quando você se pergunta consegue ter a clara resposta sobre a racionalidade ou a irracionalidade de determinadas circunstâncias as quais você se submeteu. Tendo uma resposta nas mãos você ganha o poder de DECIDIR. Fazer o que deve ser feito ou fazer o que eu acho que é mais confortável pra mim? A escolha fica nas suas mãos o controle da sua vida foi reassumido.

Esta questão pode ser resolvida em diferentes áreas da sua vida, como por exemplo:

TRABALHO:

– Pra que eu faço esta atividade?

– Pra que eu estou neste emprego?

RELACIONAMENTOS:

– Pra que eu tenho um relacionamento agora?

– Pra que eu quero ter alguém ao meu lado?

FAMÍLIA:

– Pra que meus pais me educaram assim?

– Pra que eu quero (ou não) construir uma família?

Perceba que todas essas perguntas tem a ver com PROPÓSITO. Propósito tem a ver com RESULTADOS.

Quando você define propósito para suas atividades é muito mais simples planejar o seu dia, sua vida, seus negócios, seu relacionamento. Definindo propósito você deixa de enrolar ou apenas se ocupar para PRODUZIR, produzir a vida que você merece ter.

Assim eu entendi que o tempo não para e ninguém vai me esperar, mesmo se esperasse, não iria me dar os resultados que busco ter porque não agi com propósito.

Espero que você também entenda e transforme sua vida a partir de hoje.

Pô, deixa um comentário aqui...